MÉTODO CIENTÍFICO

Description
MÉTODO CIENTÍFICO. Atitude Científica x Senso Comum. SENSO COMUM. Definição: É o conhecimento acumulado no cotidiano o qual pecorre o caminho que vai do hábito à tradição. Quando estabelecida, passa de geração para geração. O senso comum integra, de um modo precário, o conhecimento humano.

Please download to get full document.

View again

of 18
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Information
Category:

Documents

Publish on:

Views: 2 | Pages: 18

Extension: PDF | Download: 0

Share
Transcript
MÉTODO CIENTÍFICO Atitude Científica x Senso Comum SENSO COMUM Definição: É o conhecimento acumulado no cotidiano o qual pecorre o caminho que vai do hábito à tradição. Quando estabelecida, passa de geração para geração. O senso comum integra, de um modo precário, o conhecimento humano. SENSO COMUM Características do senso com comum: *São subjetivos, isto é, exprimem sentimentos e opiniões individuais e de grupos, variando de uma pessoa para outra, ou de um grupo para outro; * São generalizadores, pois tendem a reunir numa só opinião ou numa idéia coisas e fatos julgados semelhantes; SENSO COMUM Características do senso comum: *Em decorrência das generalizações, tendem a estabelecer relações de causa e efeito entre as coisas ou entre fatos; *São qualitativos, pois as coisas são julgadas pelas pessoas como grandes ou pequenas, doces ou azedas, quentes ou frias, etc. SENSO COMUM Características do senso comum: *Por não compreender o que seja investigação científica tende a identificá-la com a magia, considerando que ambas lidam com o misterioso, o incompreensível; *As certezas cotidianas e o senso comum de nossa sociedade ou de nosso grupo social cristalizam-se em preconceitos como os quais passamos a interpretar toda a realidade que nos cerca e todos os acontecimentos. ATITUDE CIENTÍFICA CONCEITO: É um sistema ordenado e coerente de preposições ou enunciados baseados em um pequeno número de princípios, cuja finalidade é descrever, explicar e prever do modo mais complexo possível um conjunto de fenômenos, oferecendo suas leis necessárias. A teoria científica permite que uma multiplicidade empírica de fatos aparentemente muito diferentes sejam compreendidos como semelhantes e submetidos às mesmas leis e vice-versa. ATITUDE CIENTÍFICA Características da atitude científica: * É objetivo, isto é, procura as estruturas universais e necessárias das coisas investigadas; * É quantitativo,isto é, busca medidas, padrões, critérios de comparação e de avaliação para coisas que parecem ser diferentes; * É homogêneo, isto é, busca as leis gerais de funcionamento dos fenômenos, que são as mesmas para fatos que nos parecem diferentes. ATITUDE CIENTÍFICA Características da atitude científica: * Só estabelecem relações causais depois de investigar a natureza ou estrutura do fato estudado e suas relações com outros semelhantes ou diferentes; * Surpreende-se com a regularidade, a constância, a freqüência, a repetição e a diferença das coisas e procura mostrar que o maravilhoso é um caso particular do que é regular, normal, frequente; ATITUDE CIENTÍFICA Características da atitude científica: * Formular uma teoria geral sobre o conjunto dos fenômenos observados e dos fatos investigados, isto é, formular um conjunto sistemático de conceitos que expliquem e interpretem as causas e efeitos, as relações de dependência, identidade e diferença entre todos os objetos que constituem o campo investigado. SENSO COMUMX ATITUDE CIENTÍFICA A ciência distingue-se do senso comum porque este é uma opinião baseada em hábitos, preconceitos, tradições cristalizadas, enquanto a primeira baseia-se em pesquisas, investigações metódicas e sistemáticas e na exigência de que as teorias sejam coerentes e digam a verdade sobre a realidade. A ciência é conhecimento que resulta de um trabalho racional. PASSOS NA PESQUISA CIENTÍFICA A disposição de tratar com fatos e não com as opiniões; A rejeição ao saber da autoridade; A disposição de aceitar fatos, mesmo quando eles são opostos aos seus desejos; A capacidade de ficar sem uma resposta, até que seja encontrada uma resposta satisfatória; Tendência a evitar conclusões prematuras até que tenha encontrado as resposta plausíveis; INTRODUÇÃO A PESQUISA TEMA DA PESQUISA: - Indica o assunto que se deseja estudar; - O importante é a elaboração, que ele se torne algo “concreto”, determinado, preciso; - Para tanto é necessário observar a realidade que nos interessa de maneira cuidadosa e persistente; - Fazer uma boa consulta a livros, períodicos, etc. TEMA Indica a área na qual se deseja desenvolver um trabalho, neste caso, de cunho científico Significa uma área de interesse a ser investigado. Trata-se, então, de uma delimitação ainda bastante ampla, tendo várias possibilidades de abordagens (qualitativos ou quantitativa, sociais ou biológicas. Não confundir TEMA com TÍTULO. PROBLEMA Após escolhido o tema, o projeto de pesquisa vai solicitar a formulação do problema. Costuma ser apresentado na forma de uma proposição interrogativa. Formular um problema consiste em dizer, de maneira explícita, clara, compreensível e operacional, qual a dificuldade, com a qual nos defrontamos e pretendemos resolver, limitando o seu campo e apresentando suas caracterísitcas. PROBLEMA Exemplo: A aplicação de um novo método de ensino aos alunos do ensino médio do Colégio X produzirá aumento de rendimento escolar? Deseja saber se a aplicação de um novo método de ensino traz aumento de rendimento escolar aos alunos do ensino médio do Colégio X. (Interrogativa indireta)‏ HIPÓTESE O enunciado dela vem logo após a formulação do problema. É uma tentativa que se faz para explicar o que se desconhece, uma suposição provisória e deverá ser testada para verificar sua validade. Critérios: Tem que ser plausível, consistente, específica, verificável, clara, simples, econômica e explicativa. Pode vir na forma: “Se X, então Y”. Se isso acontece, então aquilo poderá mudar. TEMA / PROBLEMA / HIPÓTESE Tema: A influência de tóxicos em crimes de homicídios cometidos por delinqüentes juvenis em Goiânia. Problema: A maior incidência de crimes de homicídios cometidos por delinqüentes jovens em Goiânia, encontra-se entre os viciados em tóxicos? Hipótese: (1) Existe uma equivalência entre os números de homicídios praticados por delinqüentes toxicômanos e não-toxicômanos; (2) A maior parte dos homicídios praticados por delinquentes juvenis em Goiânia encontra-se entre os viciados em craque.
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x