A influência das línguas africanas no português brasileiro

Description
A influência das línguas africanas no português brasileiro

Please download to get full document.

View again

of 19
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Information
Category:

Education

Publish on:

Views: 12 | Pages: 19

Extension: | Download: 0

Share
Tags
Transcript
  • A influência das línguas africanas no português brasileiro
  • Professora: Jumara Novaes Componentes Antonia Ailma Lima Girlande Lane Lêidina Neri Márcia Cristina Queirós Soleneide Barbosa
  • A presença de línguas africanas no Brasil está diretamente associada ao tráfico de escravos que, por mais de três séculos sucessivos, de 1502 a 1860, introduziu no país por volta de 3.600.000 africanos, de origens diversas: Sudaneses da região situada ao Norte do Equador (ciclo da Guiné, século XVI).
  • Bantos ao Sul do Equador (ciclo do Congo e de Angola, século XVII). Sudaneses da Costa Ocidental (ciclo da Costa da Mina e ciclo da baía do Benin, início do século XVIII). No século XIX, chegam escravos de todas as regiões, predominando os originários de Angola e Moçambique.
  • No Brasil o contato lingüístico entre portugueses e africanos aconteceu na primeira metade do século XVI gerando a alteração da língua portuguesa na colônia sul-americana e uma maior participação da língua africana na construção lingüística brasileira que se deu ao longo dos quatro séculos seguintes em todos os setores da linguagem.
  • Em 1823 foi realizado um censo no Brasil apontando que 75% da população da época era formada por negros e mestiços, o que prova que o número de negros residentes aqui era muito maior que o número de colonos portugueses. Daí surge a ideia de que estando em maior número os negros poderiam também contribuir com a construção daquela nova língua que se estabelecia no Brasil e que foi usada até meados do século XVIII.
  • Falando então do homem e da mulher negra podemos citar os “ladinos” que eram aqueles que logo aprendiam a falar o português mesmo que de forma simplória, mas com isso podiam fazer parte de dois grupos que eram a senzala e a casa-grande assumindo a função de dialogar com os colonos e os outros escravos.
  • A mulher negra também tinha uma função importante na casa-grande, pois como mãe-preta ela tinha contato direto com todos da casa podendo inserir novos hábitos na vida cotidiana, entre eles o uso de temperos como o azeite de dendê e da sua cultura teve a oportunidade de partilhar com os outros contos populares, cantigas de ninar e histórias de seres fantásticos como o boi-da-cara-preta dentre tantas outras contribuições.
  • No século XIX a família real portuguesa se instalava no Rio de Janeiro iniciando o processo de urbanização, nesse período grande parte da população era formada por mestiços e crioulos que por já terem nascido no Brasil tinham o português como primeira língua e, portanto seria mais fácil a aceitação quanto aos padrões europeus vigentes na época e a prova de que essa aceitação era mesmo mais fácil pode ser vista através das roupas, acessórios e objetos usados nas festas do candomblé da Bahia, eram saias rodadas e rendadas, espadas, coroas e muitos outros objetos.
  • A língua banto Chega a substituir a língua do português em alguns termos: molambo por trapo, xingar por insultar, marimbondo por vespa, etc.
  • Sudaneses Ao encontro do povo banto vinha também em grande número os oeste-africanos que aumentavam a cada dia devido a grande necessidade de mão-de-obra escrava principalmente na minas de ouro e diamantes que foram descobertas nos estados de Goiás, Minas Gerais e Bahia.
  • Quatro séculos de contato direto entre índios, portugueses e africanos fizeram com que a língua brasileira fosse sendo formada pela junção desses vários falares. A língua indígena ficou mais localizada em certas regiões enquanto a língua africana e o português foram sendo moldados até formarem a nossa língua atual.
  • A partir desse processo o negro assumiu o português como segunda língua transformando a língua portuguesa original na língua brasileira que vem como uma mistura das culturas que se completam e permitem ainda o uso de vários dialetos bantos em comunidades negras rurais que provavelmente são frutos de antigos quilombos de diversas partes do país.
  • Palavras de origem banto: Cafuné, dengo, calango, macaco, canjica, samba, inhaca, jiló, ginga, moleque, xodó, zangado, zum-zum.
  • Palavras de origem iorubá: fé, acarajé, jabá (carne-seca) e axé
  • · Divindades, conceitos e práticas religiosas , ainda hoje utilizadas na Umbanda, Quimbanda e Candomblé (inclusive essas três palavras) - Oxalá, Ogum, Iemanjá, Xangô, pombajira, macumba, axé, mandinga, canjerê, gongá ( ou congá);
  • comidas e bebidas (muitas delas, originariamente, comidas e bebidas-de-santo, que depois se popularizaram na nossa culinária, notadamente na baiana) - Quitute, vatapá, acarajé, caruru, mungunzá, quibebe, farofa, quindim, canjica e possivelmente cachaça;
  • roupas, danças e instrumentos musicais - Tanga, miçanga, caxambu, jongo, lundu, maxixe, samba, marimba, macumba (antigo instrumento de percussão) , berimbau; · deformidades, doenças, partes do corpo - Cacunda, capenga, calombo, caxumba, banguela, calundu, bunda.
  • REFERÊNCIAS CASTRO, Yeda Pessoa de. A influência das línguas africanas no português brasileiro. www.linguakimbundu.com/palavras http://websmed.portoalegre.rs.gov.br/escolas/montecristo/04raca/raca06.htm http://www.culturanegra.com.br/africanalinguaportuguesa.htm
  • Related Search
    Similar documents
    View more...
    We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks
    SAVE OUR EARTH

    We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

    More details...

    Sign Now!

    We are very appreciated for your Prompt Action!

    x